Archive for the ‘Curiosidades’ Category

O maior do mundo

12/10/2011

Projeção do "Maior do Mundo" pós-reforma.

O Maior do Mundo. Uma alcunha digna de apenas um estádio de futebol no mundo: o Maracanã.

Mas peraí, o Maracanã depois de várias reformas e reduções de capacidade por motivos de segurança deixou há muito de ser o maior estádio de futebol do mundo. O Azteca, o Novo Wembley, o Soccer City, todos são maiores que ele. Afinal, qual o maior estádio do mundo da atualidade?

Por incrível que pareça (e também por não ter normas tão rígidas de segurança), ele fica na Coréia do Norte, na capital Pyongyang. O Estádio Rungrado May Day tem capacidade nominal atual para 150.000 pessoas e é famoso por, além de receber futebol, ser palco daqueles espetáculos sincronizados do público (e, justiça seja feita, tem uma bela arquitetura).

O Rungrado May Day, em Pyongyang, Coréia do Norte.

E quase o dobro da capacidade prevista do Maracanã pós-reforma de 82.500. Mas ainda é menos do que a capacidade que o Maracanã já teve. Mas o apelido “Maior do Mundo” também não pode vir daí, porque o fechado Estádio Strahov em Praga tinha capacidade de 220.000 pessoas.

Porém o Strahov não era muito bom para o público exatamente por ser muito grande (hoje o local é o centro de treinamento do Sparta Praha com incríveis 9 campos!), o que dificultava a visão do público. Sua capacidade total nunca foi atingida em jogos de futebol.

O Strahov, em Praga, República Tcheca.

E é exatamente este o grande feito do Maracanã, que o garante a eternização do apelido: o público recorde da história do futebol de 199.854 no Brasil e Uruguai de 1950. Esse é difícil de repetir. Uma marca do nosso único e verdadeiro Maior do Mundo.

O cinturão dos pesos pesados do futebol

04/10/2011

Dia 7 de outubro, próxima sexta, o Japão entra em campo para defender o seu título mundial no futebol. Não, não estamos falando de futebol feminino, esse especial aqui do site já passou. É a equipe masculina principal mesmo, que detém atualmente o título do Campeonato Mundial Não-Oficial de Futebol. Para saber mais, clique abaixo e leia o resto do post.

(more…)

Publicidade É Jogo Duro

23/08/2011

Para quem não sabe, a editoria aqui do blog é de publicitários. E o Vogas participou da criação na Prósper, agência onde trabalha, de uma série de humor ligando esses dois universos: publicidade e futebol. O resultado você vê nos quatro episódios abaixo.

Cala a boca, Galvão – a transmissão sem narração

21/06/2011

Não, não se preocupe. Não é mais um post falando sobre a já antiga campanha viral no Twitter (é, aconteceu há um ano, na internet é como se fosse um século). Sequer é específico para o Galvão, mas sim voltada a todos os narradores e comentaristas de futebol.

Afinal, quem nunca teve raiva daquele narrador desligado, que nem viu que o juiz não deu tiro de meta, mas sim impedimento? E quem nunca sentiu aquela dor no ego a um comentarista passar de entendido falando aquele absurdo para confirmar que o juiz marcou tiro de meta.

Em 2008, surgiu uma ideia de experiência quando assistia às Olimpíadas. A cobertura do Terra era fantástica, com mais de 30 canais transmitindo todos os eventos. Então, fora os mais populares, a maioria não tinha nem narrador nem comentarista, e você ficava com o som ambiente do estádio e os caracteres (termo jornalístico para as informações escritas na tela, como nome, estatística e placar). Pensei comigo mesmo: deve valer a pena fazer isso no futebol.

Quem precisa do Arnaldo para dizer que o Tevez estava impedido?

Ontem, por acidente, isso ocorreu, quando o Globo Esporte transmitiu pela internet o jogo do Brasil Sub-17 com áudio ambiente. E digo que valeu o acidente. E claro que o narrador é bom, principalmente assistindo o jogo sozinho, mas para conversar com os amigos, acho que vale a opção de poder cortá-lo na nova tecnologia de transmissão digital.

Se os caracteres fossem aprimorados para serem mais informativos (como “o treinador chamou o jogador A para conversar”), imagine a experiência: você, com as imagens de TV (com direito a replay, tira-teima e tudo), o áudio da torcida, ouvindo os gritos em campo e, o melhor, podendo tirar suas próprias conclusões sozinho.

Aparece na tela “o juiz anulou o gol porque marcou impedimento”, passa o replay, depois por outro ângulo, o tira-teima. Mas a conclusão se o “professor” acertou ou não seria sua. Se algum canal me oferecesse isso, eu assinaria.

Árvore de Família – com as mãos ou com os pés, tem futebol para todos os gostos

29/05/2011

Tudo isso é futebol: vai encarar uma pelada? (Começando do topo à esquerda e seguindo em sentido horário: australiano, rúgbi liga, gaélico, canadense, rúgbi união e americano; associação ao centro).

Existem quantas formas de jogar futebol? Não, a pergunta não é nenhuma metáfora. Se “futebol” remete a uma imagem imediata aqui no Brasil de um jogo de 11 contra 11 em que o objetivo é fazer gols usando os pés, no mundo inteiro existem diversas variações estranhas aos nossos olhos. Então siga o restante do post e conheça os 7 códigos básicos de futebol que são jogados hoje.

(more…)

A mística do camisa… 52??? Números, uma tradição do futebol.

17/05/2011

Só pela camisa já dá para saber quem foi melhor.

“E é gol de Pelé! O craque da camisa número 52!” Soa estranho. Fica estranho na camisa. E, acima de tudo, o cara não pode ser craque e ter o número 52. Parecem duas coisas incompatíveis. Conheça então um pouco da história dos números no futebol, uma tradição tão conhecida e ao mesmo tempo esquecida nos dias de hoje.

(more…)

Copa da França: um esporte de todos, um campeonato para todos.

15/05/2011

A Copa do Brasil é o maior campeonato organizado atualmente pela CBF com 64 times. À primeira vista pode parece grande, mas nem se compara ao recorde do Brasileiro de 1979, com 94 participantes. O que dizer então de um torneio com 7.449 clubes no páreo? Conheça um pouco da Copa da França, o maior torneio de futebol do mundo.

(more…)

Cultura Recomenda – n° 9

09/05/2011

Se você perdeu o Esporte Espetacular de ontem, o Cultura FC manda o replay da matéria especial com Carlos Henrique Kaiser, o jogador mais 171 da história. Bem quisto entre jogadores e dirigentes, Kaiser conseguia bons contratos sem saber jogar bola e não esconde – e nem se envergonha – de suas histórias. Entre grandes clubes brasileiros e alguns até do exterior, dispara: “se joguei 20 partidas completas na carreira foi muito. Fugia do jogo, simulava contusão até em treino.”

Confira mais nos links abaixo:

– Matéria 1 (sem vídeo)

– Matéria 2 (com vídeo)

O Plebeu do Futebol Brasileiro

30/04/2011

Ele foi rejeitado em mais de 8 peneiras no futebol paulista, não participou de categorias de base, não aprendeu os fundamentos básicos do futebol como a grande maioria dos jogadores e, ainda, não tinha nenhuma perspectiva de algum dia sair do futebol de várzea.

Ninguém arriscaria sequer uma ficha para apostar que um plebeu desses iria chegar à realeza de vestir a 9 da tão sonhada amarelinha. Mas esse feito ele já conseguiu, e com aplausos do professor, Mano Menezes.

Conheça um pouco da história de Leandro Damião, atual artilheiro do Internacional/RS.

(more…)

E o Globo Esporte estava indo tão bem…

20/04/2011

Matéria de capa sobre o Rio Branco, acompanhamento “quase” em tempo real dos resultados do Campeonato Capixaba (e de todos os estaduais)… é, tudo parecia muito bacana com o futebol do Espírito Santo em um dos sites mais importantes do esporte brasileiro, mas faltou revisão no dia de hoje.


Para a galera que não acompanha, mesmo sendo lanterna do campeonato, a tarefa do Serra não é muito complicada, já que NÃO HÁ REBAIXAMENTO no Capixaba 2011. A gente sabe que a intenção do Globo Esporte foi boa – o trabalho de cobertura de todos os estaduais está de parabéns -, mas para uma rede que tem afiliadas em todos os estados, valia uma revisão.

Entenda: há muito tempo o Campeonato Capixaba da primeira divisão conta com 10 equipes. Este ano, entretanto, Jaguaré e Rio Bananal desistiram do torneio de última hora, não sendo substituídos. Por isso, 2012 contará com todas as 8 equipes da série A mais os 2 promovidos da série B em 2011.