Archive for the ‘Copa do Mundo 2010’ Category

Filosofias da Bola n° 11 – ESPECIAL “Fechado para futebol!”

16/07/2010

Quem deu uma passadinha na nossa página de trabalhos públicados, sabe que dos grandes mestres que inspiraram o blog e que jogam o futebol com as palavras, o único ainda vivo é o uruguaio Eduardo Galeano. Por isso a gente abriu aspas para ele, transmitindo aqui o que ele achou da última Copa do Mundo. Siga o resto do post e confira.

(more…)

Anúncios

A Copa (que realmente foi) América

13/07/2010

Após a Espanha eliminar o Paraguai na última partida das quartas-de-final, estava decretado: somente um time americano, que só não era mais azarão do que Honduras, estaria nas semifinais. Visto isso, um jornalista tentou ir às forras com a empolgação do nosso continente durante a entrevista coletiva do técnico Vicente Del Bosque: “o que dizer àqueles que apontavam a Copa de 2010 como uma ‘Copa América’ já que agora ela virou uma ‘Eurocopa’?” O treinador espanhol então brilhantemente respondeu: “Não podemos dizer isso, meus jogos mais difíceis no torneio foram contra Chile e Paraguai”. No resto do post você confere uma análise mais detalhada dos times americanos na Copa.

(more…)

Jabulani e sua família

11/07/2010

A protagonista da Copa da África do Sul, Jabulani, você já conhece. Mas você lembra de suas ascendências?

Conheça nesse post toda a família das bolas das Copas do Mundo.

(more…)

Em cartaz na África do Sul: “O polvo já sabia”

11/07/2010

APRESENTANDO OS NOVOS PROTAGONISTAS

Em cartaz nos estádios da África do Sul…

11/07/2010

A grande final além de escolher um time que estreiará no papel de campeão, o confronto é estreia em Mundiais.

Em cartaz nos estádios da África do Sul…

09/07/2010

Ah, a desprestigiada disputa de terceiro lugar… Uruguai e Alemanha sabem bem o que é isso. Eles estiveram lá em 1970. Melhor para a Alemanha. O Uruguai, a propósito, nunca venceu os germânicos em Copas do Mundo. Confira o histórico.

Novo Técnico da Seleção Brasileira – E agora?

08/07/2010

Após a conturbada  saída do Dunga, o torcedor brasileiro fica com uma dúvida: quem assumirá o cargo de técnico da nossa seleção?

Nessa hora, todo mundo quer escolher alguém. Levantam-se nomes e mais nomes de técnicos não só pelo Brasil quanto pelo mundo afora. E nós do Cultura FC não poderíamos deixar de dar a oportunidade aos nossos leitores de opinarem aqui no blog.

Então, quem você acha que deve ser o novo comandante da seleção canarinho e se comprometer com a conquista do hexacampeonato em  casa, na Copa de 2014?

Em cartaz nos estádios da África do Sul…

06/07/2010

Se a memória recente desse clássico é agradável aos espanhóis (a vitória na final da Euro 2008), em Copas não se pode dizer o mesmo. Em 3 jogos, a Fúria jamais bateu a Alemanha e foi eliminada duas vezes, em 1966 e, talvez a partida mais doída deles, em 1982, dentro do Santiago Bernabéu, templo do futebol espanhol, quando um empate ainda daria esperança à torcida. Se vai prevalecer a história das Copas ou da última Euro, só assistindo. A promessa é de um grande jogo.

Em cartaz nos estádios da África do Sul…

05/07/2010

Duas finais de Copa do Mundo para cada lado. Porém, Uruguai e Holanda não gostam muito de se enfrentar em Copas. Eles quase fogem um do outro: até 2010, só tivemos duas Copas em que os 2 estiveram ausentes ao mesmo tempo (1958 e 82); mas também só em 2 eles estiveram presentes juntos (1974 e 90). Curiosidades à parte, em 1974, único confronto entre ambos, a Laranja Mecânica varreu os uruguaios de campo. O placar de 2 a 0 foi até magro.


Em cartaz nos estádios da África do Sul…

02/07/2010

Espanha e Paraguai já se enfrentaram duas vezes em Copas, com um ponto positivo para cada lado: se a Fúria nunca perdeu para a seleção guarani, esta nunca foi eliminada pela Espanha. O empate em 1998 colaborou para a classificação de paraguaios e eliminação dos espanhóis. Em 2002, com vitória hibérica, ambos se classificaram para as oitavas.

Agora, Argentina e Alemanha é um confronto que traz histórias muito mais emocionantes: 5 jogos, 2 finais seguidas, 1 título ganho para cada lado em cima do seu adversário. Alguém duvida que vem aí mais um jogo inesquecível?

A título de curiosidade, a Argentina enfrentou a Alemanha Oriental na 2ª fase da Copa de 1974. O placar foi de 1 a 1 em Gelsenkirchen, mas ambas já estavam eliminadas.