Álbum de Figurinhas – Copa do Mundo da Suécia 1958

Uma nova era começa a surgir no futebol com a ascenção ao topo de uma seleção que jogava de amarelo e tinha um adolescente de apenas 17 anos como principal craque.

Complete seu álbum lendo o restante do post com as figuras que participaram do primeiro título da Seleção Brasileira. Pelé, Garrincha, Vavá. Essas eu não trocaria com ninguém.

.

As Sedes:

– Boras, Eskilstuna, Solna (RM Estocolmo), Gotemburgo, Halmstad, Helsingborg, Malmö, Norrköping, Örebro, Sandviken, Uddevalla, Västeräs.

A Final:

Os campeões:

– Gilmar; Djalma Santos (De Sordi), Bellini, Orlando e Nilton Santos; Zito e Didi; Garrincha, Vavá, Pelé e Zagallo.

..

..

..

– Campanha do campeão: 6 jogos, 5 vitórias e 1 empate

Terceiro e quarto:

– França e Alemanha Ocidental

A Grande Seleção:

– Brasil

A Copa em que Pelé e Garrincha jogaram juntos. Precisa falar mais?

..

Outra seleção muito boa era a França de Fontaine. Aqui uma homenagem.

..

O país-sede:

– Bom time. Foi vice-campeão. Sua melhor participação na história.

..

Grande jogo (fora a final):

Brasil 5 x 2 França – Solna (RM Estocolmo), 24 de junho

(2 x 1; 5 x 2)

– O encontro entre os dois maiores ataques do torneio. Fontaine marcou o seu, mas Pelé fez 3 e mostrou que o moleque viraria rei.

Outros craques:

Equipe surpresa:

– País de Gales

Parecia impossível, mas o pequeno País de Gales, em sua única Copa, eliminou na primeira fase a sensação do torneio passado, a Hungria, no jogo-extra.

Pontos negativos:

– Argentina

A Argentina saia do período peronista, quando o presidente não deixava o time jogar competições internacionais com medo de uma possível humilhação. Deviam ter escutado Perón, o time dos hermanos sofreu a pior goleada da sua história (geral, não só de Copas): 6 a 1 para a Tchecoslováquia. Eliminação na primeira fase.

A lenda:

– A camisa azul

O Brasil aposentou sua camisa branca após o maracanaço e a amarela parecia dar sorte. Após perder o sorteio do mando da final para a Suécia, que jogava de amarelo, o Brasil precisava de um uniforme novo. A camisa azul foi comprada lá na Suécia, números amarelos e escudos recortados das camisas oficiais. E o técnico, para não apavorar os jogadores, disse que aquela cor daria sorte por ser do manto de Nossa Senhora Aparecida. Deu certo. O Brasil desde então oficializou o uniforme como segunda camisa e raramente perdeu em Copas com ele.

.

DADOS TÉCNICOS:

Participantes:

– Disputaram a Copa: 16

– Vagas na Copa: 16

– Jogaram as Eliminatórias: 48

– Inscritos nas Eliminatórias: 55

.

Regulamento:

1ª Fase: 4 grupos (4 seleções); classificam-se os 2 primeiros. 2ª Fase: Mata-mata (quartas, semifinais e finais, com disputa de terceiro). Desempate: Jogo extra, na fase de grupos. Prorrogação e jogo extra no mata-mata.

Clique e confira:

PARTICIPANTES E JOGADORES

TABELA

ARTILHARIA

ELIMINATÓRIAS

ESCOLHA DA SEDE

Wikipédia Português

*Os links estão direcionados prioritariamente para a Wikipedia em inglês por confiabilidade de fontes.

Legendas

AET: após prorrogação (After Extra Time)

ASDET: após prorrogação com morte-súbita (After Sudden Death Extra Time)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: