Campeonatos Estaduais: Nordeste

Se não foi o Sul o primeiro a desafiar a hegemonia do Sudeste, esse feito fica com o Bahia, primeiro campeão da Taça Brasil em 1959. Fique por dentro de um pouco da história dos estaduais mais arretados do Brasil.

Início: 1905

Fundação da Federação: 1913

Número de divisões em 2009: 2

Máximo de divisões já existentes: 3

Maiores Campeões:

Maiores Clássicos: Bahia x Vitória

História: Considerado um dos “futebols” mais fortes fora do eixo RJ-SP-MG-RS e também um dos mais tradicionais (é o segundo estadual mais antigo), o futebol baiano atrai multidões de apaixonados aos estádios. Bastante polarizado pela dupla Bahia e Vitória, os clubes do interior tem pouco espaço, o destaque sendo o Fluminense de Feira.


Início: 1915

Fundação da Federação: 1915

Número de divisões em 2009: 2

Máximo de divisões já existentes: 3

Maiores Campeões:

Maiores Clássicos: Santa Cruz x Sport; Náutico x Sport; Náutico x Santa Cruz

História: Rivaliza com a Bahia como os maiores expoentes do futebol nordestino. Com aparições frequentes nacionalmente, o futebol pernam-bucano é dominado pelos três grandes de Recife: Sport, Santa Cruz e Náutico. Jamais um clube de fora da capital ganhou um estadual. Por outro lado, o futebol de Pernambuco conta com o Íbis, o lendário pior time do mundo.


Início: 1914

Fundação da Federação: 1920

Número de divisões em 2009: 3

Máximo de divisões já existentes: 3

Maiores Campeões:

Maiores Clássicos: Ceará x Fortaleza; Ferroviário x Fortaleza; Ceará x Ferroviário

História: O futebol cearense é um dos mais fortes do Nordeste. Os seus principais times, Ceará e Fortaleza, estão frequentemente entre os principais clubes do país. Bastante concentrado na capital, onde a dupla tem a companhia do tradicional Ferroviário, apenas em uma oportunidade um time do interior sagrou-se campeão (o Icasa de Juazeiro do Norte, em título dividido com outros três clubes).


Início: 1919

Fundação da Federação: 1918

Número de divisões em 2009: 2

Máximo de divisões já existentes: 2

Maiores Campeões:

Maiores Clássicos: ABC x América de Natal; Baraúnas x Potiguar; ABC x Alecrim; Alecrim x América de Natal

História: Com aparições esporádicas no cenário nacional, o futebol potiguar é dominado pelos dois grandes da capital: ABC e América de Natal. Nos últimos anos, times do interior tem aparecido, mas ainda não parecem ameaçar o domínio dos dois. Curiosidade: o ABC é o time brasileiro com maior número de títulos estaduais.


Início: 1927

Fundação da Federação: 1927

Número de divisões em 2009: 2

Máximo de divisões já existentes: 2

Maiores Campeões:

Maiores Clássicos: CRB x CSA; ASA x CSA; ASA x CRB

História: O futebol de Alagoas já foi referência no cenário nacional, com CRB e, principalmente, o CSA, com participação de destaque até na Copa Conmebol. Hoje, já sem tamanho destaque, os dois grandes da capital lutam para tentar manter o domínio local, mas o interior tem levado os últimos títulos, e em 2009 o CSA foi rebaixado. Uma curiosidade do futebol alagoano é o costume de chamar os clubes por suas siglas.


Início: 1908 (extra-oficial)

Fundação da Federação: 1947

Número de divisões em 2009: 2

Máximo de divisões já existentes: 2

Maiores Campeões:

Maiores Clássicos: Campinense x Treze; Botafogo PB x Campinense; Botafogo PB x Treze; Auto Esporte x Botafogo PB

História: O futebol da Paraíba tem alguma projeção no Nordeste, mas não chega a ter projeção nacional. Uma das peculiaridades é que dos três principais clubes do estado, 2 são do interior: Treze e Campinense, de Campina Grande. O maior campeão, porém, é da capital, o Botafogo, que tem como rival da cidade o menos conhecido Auto Esporte.

Início: 1918

Fundação da Federação: 1926

Número de divisões em 2009: 2

Máximo de divisões já existentes: 2

Maiores Campeões:

Maiores Clássicos: Confiança x Sergipe; Itabaiana x Sergipe; Confiança x Itabaiana

História: O futebol de Sergipe não tem o prestígio que os vizinhos da Bahia e de Pernambuco têm, sendo meio esquecido na região. Internamente, a dupla Sergipe e Confiança, de Aracaju, levam vantagem em número de títulos, mas nos últimos anos o futebol do interior tem rivalizado com o da capital.


Início: 1918

Fundação da Federação: 1918

Número de divisões em 2009: 2

Máximo de divisões já existentes: 2

Maiores Campeões:

Maiores Clássicos: Moto Club x Sampaio Corrêa; Maranhão x Sampaio Corrêa; Maranhão x Moto Club

História: Um dos campeonatos menos prestigiados do nordeste, o futebol maranhense já viveu seus momentos de glórias com os títulos nas séries B e C do Sampaio Corrêa. Ele domina, juntamente com o Moto Club e o Maranhão, o cenário estadual. Aparições de times do interior são raras e recentes. Em 2009, o destaque (negativo) do futebol maranhense ficou por conta da série B (em que jogou o Moto), que com suspeitas de manipulação de resultados foi anulada.

Início: 1916

Fundação da Federação: 1941

Número de divisões em 2009: 1

Máximo de divisões já existentes: 2

Maiores Campeões:

Maiores Clássicos: Flamengo PI x Ríver; Piauí x Ríver; Flamengo x Piauí

História: O futebol do Piauí é considerado um dos mais fracos do Nordeste. É dominado historicamente por Ríver e Flamengo de Teresina, mas este último, principalmente, vive grave crise. Há, ainda, o Piauí de Teresina com alguma expressão. No interior, destaca-se o Parnahyba. Detalhe: entre 1916 e 1940 duas ligas organizavam o campeonato: a Liga Parnaibana e a Liga Teresinense, havendo dois campeões por ano até então.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: