Mascote do Dia 05: Bélgica

MDD_Mascotes_2018_05

Outro mascote que chega a tempo de ver a estreia da sua seleção: Bélgica

Vermelho da cabeça aos pés! Embora hoje costume variar calções e meiões com as outras cores nacionais, durante muito tempo, era assim que a seleção belga se apresentava. Daí veio o apelido pelo qual a equipe é conhecida, os “Diabos Vermelhos”.

Lembrando que você acompanha todo dia um mascote aqui no Cultura ou no Monstro do Dia.

Crédito: Gabriel Vogas e Thiago Egg

Anúncios

Mascote do Dia 04: Austrália

MDD_Mascotes_2018_04

O Mascote do Dia 04 é a Austrália, que estreou ontem com derrota em um jogo histórico (primeiro uso do VAR).

Além de ser um dos animais símbolo do país junto ao emu (um parente distante da ema), o canguru foi adotado pela legião de fãs de futebol, que vem aumentando Copa após Copa na Austrália. O apelido que deram para seu time? Socceroos, os “cangurus do futebol”.

Lembrando que você acompanha todo dia um mascote aqui no Cultura ou no Monstro do Dia.

Crédito: Gabriel Vogas e Thiago Egg

Mascote do Dia 03: Argentina

MDD_Mascotes_2018_03

A figurinha 03 chegou na hora da estreia da sua equipe, que é uma das favoritas: Argentina.

O Sol de Maio é um dos símbolos nacionais argentinos. O sol, como símbolo, remete à sua divindade entre os povos indígenas. Já maio se refere ao mês em que se iniciou a luta pela independência dos países que antes faziam parte do Vice-Reino da Prata.

Lembrando que você acompanha todo dia um mascote aqui no Cultura ou no Monstro do Dia.

Crédito: Gabriel Vogas e Thiago Egg

Primeiro VAR em Copas

2018_fra-aus

Parafraseando a manchete do GE: vitória da tecnologia

Acabamos de presenciar um momento histórico, o primeiro uso de árbitro de vídeo para corrigir o erro da arbitragem em Copas do Mundo e assinalar, rápida e corretamente, pênalti a favor da França contra a Austrália. O lance seria convertido em gol por Griezmann. Torcendo muito para que o sistema dê certo e se espalhe rapidamente.

Como curiosidade 1, o outro gol da França (Pogba), também contou com auxílio da tecnologia, desta vez do sistema de auxílio na linha de gol. Como curiosidade 2, em 2014 também foi da França o primeiro gol assinalado com o auxílio da linha de gol: Benzema, contra Honduras.

 

A evolução dos esquemas táticos

Segue como recomendação esse vídeo excelente do Nexo, explicando a evolução dos principais esquemas táticos. Essa evolução mostra, indiretamente, a evolução da tradição de determinados números serem de uma posição específica em diferentes lugares (como a camisa 4 parou no meio de campo na Inglaterra, por exemplo). Me fez lembrar do post que fiz há bastante sobre numeração. Clique aqui para lembrar dele também.

Agradecimento a Higor Franco, editor do Torcida ES, pela dica.

O gol na voz marcante das mulheres

narradoras2-768x576
Vanessa Riche, Isabelly Morais e Nadine Bastos, equipe de transmissão do Fox Sports 2

Abertura da Copa tem primeira narração feminina da história do Brasil

Ontem rolou um momento histórico no futebol nacional. O ótimo projeto Narra Quem Sabe, no qual o Fox Sports avaliou e selecionou locutoras, chegou ao seu grande momento e colocou no ar o primeiro jogo de Copa do Mundo narrado por uma mulher no Brasil. Parabéns, Fox Sports, pela iniciativa. E parabéns, Isabelly Morais, uma das vencedoras do projeto (junto a Manuela Avena e Renata Silveira) e a quem coube a honra. Confira sua narração do primeiro gol abaixo.

Com informações do Dibradoras (Uol) e do Fox Sports.

Mascote do Dia 02: Arábia Saudita

MDD_Mascotes_2018_02

O Mascote do Dia 02 tomou 5 a 0 ontem, mas está feliz só de estar na Copa: é a Arábia Saudita.

O tapete voador, embora presente em muitas culturas, está intimamente ligado com o clássico da literatura folclórica árabe “As Mil e Uma Noites”. Uma curiosidade: seu maior destaque está no conto “O Sultão das Índias”, não em Aladim.

Lembrando que você acompanha todo dia um mascote aqui no Cultura ou no Monstro do Dia.

Crédito: Gabriel Vogas e Thiago Egg